Da série: Diálogos Insanos

– Por que você comprou marshmellow?

– Porque lembrei que você gosta de marshmellow.

– Não sou eu que gosto de marshmellow, é você!

– Ah, é? Sou eu?

– É!

– É que nós dois somos um, nós somos a mesma pessoa, então eu nunca sei quando sou eu e quando é você.

PS: Não é que eu odeie marshmellow, se um marshmellow se jogar em minha frente eu como, mas até onde me lembro, meu digníssimo esposo sempre foi alucinado por marshmellows. O estranho foi ele me trazer, todo sorridente, um copo cheio de marshmellows e não ter pego nenhum para ele. Ok, faz uns três anos que ele não compra, nem come marshmellows, mas isso não é o suficiente para esquecer, é?

Um comentário sobre “Da série: Diálogos Insanos

  1. i-Pixel disse:

    Ahauhauha!
    “(…) então eu nunca sei quando sou eu e quando é você.” — adorei essa! rs

    Sinceramente? 1 dia é mais que o suficiente para me fazer esquecer um caminho… =P

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *