Será que é possível?

photo5152289648305874878

Estava hoje meditando na passagem de Ezequiel 37.1-6. O profeta Ezequiel narra o momento em que Deus o coloca no meio de um vale cheio de ossos. Já li essa passagem um milhão de vezes, mas nunca tinha me dado conta do que percebi hoje.

“Veio sobre mim a mão do SENHOR, e Ele me fez sair no Espírito do SENHOR, e me pôs no meio de um vale que estava cheio de ossos. E me fez passar em volta deles; e eis que eram mui numerosos sobre a face do vale, e eis que estavam sequíssimos.”

Perceba a imagem. Havia muitos ossos naquele vale, ele diz que eram “mui numerosos sobre a face do vale”, ou seja, praticamente um “mar de ossos”. E, segundo o relato, não estavam apenas secos, mas sequíssimos. A julgar pelo restante do livro, Ezequiel não me parece ser uma pessoa muito dramática, que usa superlativos à toa. Ele só diria que os ossos estavam sequíssimos se realmente estivessem assim. Já deveriam estar rachados, esfarelando, em uma situação além de qualquer esperança. Estavam prestes a virar pó. Então, diante daquela situação irreversível, Deus pergunta:

“E me disse: Filho do homem, porventura viverão estes ossos? E eu disse: Senhor Deus, Tu o sabes.”

Olha que coisa linda. Ezequiel já conhece tanto a Deus que nem se arrisca a dizer “é impossível”. Ele sabe que Deus é surpreendente. Quando Deus faz uma pergunta cuja resposta (humanamente falando) seria: “é impossível”, a pessoa que conhece Deus de verdade e que está olhando as coisas sob o ponto de vista certo só poderia responder: Senhor Deus, só o Senhor sabe. Só Ele sabe o que é possível e como é possível. 

Só Deus tem autoridade para dizer se algo é ou não possível. O gerente do banco não tem autoridade para isso, o amigo não tem autoridade para isso, o especialista x ou y não tem autoridade para isso, o advogado não tem autoridade para isso, o juiz não tem autoridade para isso, o médico não tem autoridade para isso. Seus pensamentos negativos não têm autoridade para dizer que algo é impossível, que não tem jeito ou que você não vai conseguir. Ninguém pode dizer que algo é impossível, nem o profeta se atreveu! 

A resposta de Ezequiel é a resposta de alguém que está na dependência de Deus. É a resposta de quem sabe que Ele trabalha em outra dimensão, que a realidade, quando está nas mãos dEle, pode ser dobrada ou desdobrada do jeito que Ele quiser. Quando a gente confia em Deus, sabe que pode esperar dEle o impossível.

“Então me disse: Profetiza sobre estes ossos, e dize-lhes: Ossos secos, ouvi a palavra do Senhor. Assim diz o Senhor DEUS a estes ossos: Eis que farei entrar em vós o espírito, e vivereis. E porei nervos sobre vós e farei crescer carne sobre vós, e sobre vós estenderei pele, e porei em vós o espírito, e vivereis, e sabereis que Eu sou o Senhor.”
Ezequiel 37.1-6

Então essa era a diferença de Ezequiel: Deus já tinha colocado nele o Espírito. Por isso ele conhecia Deus, sabia quem Deus era e sabia o que esperar dEle. Ao ver uma situação aparentemente impossível e ser confrontado com aquela pergunta: “filho do homem, porventura viverão estes ossos?” a única resposta que Ezequiel poderia dar era a que ele, de fato, deu: Senhor Deus, TU o sabes. 

Não sei você, mas eu nunca mais vou ver uma situação aparentemente impossível da mesma forma. E nunca mais vou responder a uma dúvida com medo. Diante de um “será que vou conseguir?” direciono a resposta a Deus: “Senhor Deus, TU o sabes“. E que Ele dê a resposta diretamente ao problema, para que eu possa profetizar a Palavra que traz à existência o impossível. 

 

 

.

.

#JejumdeDaniel #Dia5 #Dia6

.

Estamos em uma jornada de 21 dias de jejum de informações e entretenimento chamado Jejum de Daniel, de 25 de janeiro a 14 de fevereiro. Durante esses dias, os posts no blog serão voltados exclusivamente para o crescimento espiritual. Leia este post para entender melhor.

** Para quem não acompanhou ou para quem gostaria de rever os posts das edições anteriores do Jejum de Daniel neste blog, segue o link da categoria: http://lampertop.com.br/?cat=709 .

5 comentários sobre “Será que é possível?

  1. Mônica costa disse:

    Caramba! Ontem o pastor pregou sobre isto ,e sai de lá pensando, tenho que colocar isto em prática na minha vida, tomar posse desta fé, parar de ter medo de tomar certas atitudes. E sim colocar nas mãos de Deus e confiar. SENHOR TU O SABES! vai arrebentar rsrsrs

  2. Cristina disse:

    Olá querida Vanessa.
    Gosto muito dos seus post mas o de hoje chamou a minha atenção vou tentar explicar o porque.
    Então ontem estava a pensar na reunião do auto-ajuda sobre a minha opinião o que eu acho o que eu penso e onde se forma a minha opinião e a analisar me…
    E engraçado pois Ezequiel não deu a opinião dele ou ficou a indagar o seu conhecimento ou a ver o que os outros achavam…
    Vejo que tenho que mudar muitos eu acho eu penso por” Tu o sabes”

    beijinhos grandes

  3. MARILENE CARMELITA disse:

    A revelação da palavra do Altíssimo, vale mais do que as “grandes descobertas da ciência”, pois, Ele nos dá “poder” de vencer por meio da Sua Palavra! Que glorioso Deus!

  4. Danuza disse:

    Querida Vanessa, tenho enfrentado um impossível em especial nos ultimos meses e que tem me deixado muito ansiosa. Hoje passei toda a noite pesquisando, procurando uma saída para esse impossível e não encontrei nada, estava inquieta e desesperançada, até que me dei conta de que estava me desviando do foco do JD. O medo apertando o meu coração pra que eu não coloque isso nas Mãos de Deus enquanto busco o Espírito Santo, porque o tempo está passando e preciso de uma resposta.
    Esse post foi pra mim, sim muitas vezes parece impossível pra mim nascer de Deus, receber o Seu Espírito, luto contra esses pensamentos todos os dias, mas nas última semana outro impossível me apareceu e tirou totalmente o meu foco, e eu me deixei levar por um leve desespero, a certeza de que já deu errado.
    Sobretudo eu quero essa paz de saber que Deus é que sabe, Ele é Quem pode é Quem decide, mas eu não á estava buscando em primeiro lugar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *